Confira 5 dicas para aumentar a produtividade da sua equipe

Um dos grandes desafios dos gestores é conseguir aumentar a produtividade de sua equipe, obtendo benefícios para a empresa e para os próprios colaboradores. Maior eficiência significa menos complicação no trabalho, além de trazer resultados mais dinâmicos e concretos.

Conseguir isso pode depender de algumas práticas e hábitos simples, porém, muito precisos e que devem ser executados no dia a dia de uma empresa. Quer conhecê-los melhor? Este post vai trazer 5 dicas simples relacionadas ao cotidiano e à cultura organizacional, proporcionando um eficiente aumento de produtividade. Confira!

1. Ofereça treinamento e capacitação

O primeiro fator relevante no recrutamento de um talento para a empresa são as suas capacitações profissionais. Quanto maiores suas habilidades e conhecimentos, melhor ele é visto diante dos outros candidatos. Na hora de buscar aumentar a produtividade isso deve ser visto também como prioridade.

Como render mais, sendo ainda melhor no que faz? Esse crescimento só é possível com um estímulo constante na busca de mais conhecimento e técnicas avançadas, que ajudem na execução diária de demandas. Diante disso, um gestor precisa buscar junto à empresa formas de ajudar os colaboradores a se desenvolverem profissionalmente.

Essa capacitação pode ser obtida de diversas formas, com treinamentos específicos sobre assuntos e sistemas fundamentais do cotidiano de trabalho, mas também podem ser por meio de cursos complementares. Algumas empresas oferecem bolsas e descontos em universidades para a pós-graduação, sendo uma ótima forma de ajudar o colaborador a se aprimorar.

2. Torne as reuniões mais curtas e dinâmicas

As reuniões são muito comuns no dia a dia corporativo, como uma prática bastante útil para que gestores e equipes consigam alinhar bem os objetivos e discutir como andam os processos.

Entretanto, é preciso ter cuidado para que esses momentos não se tornem mais recorrentes do que deveriam e, ainda pior, tomando muito tempo de um dia de trabalho, afetando diretamente a produtividade. Há reuniões que duram horas, e isso nem sempre representa esse alinhamento pretendido.

O mais adequado é buscar momentos mais curtos e dinâmicos, em que os assuntos sejam tratados de forma mais objetiva, sem enrolação. Para isso, devem ser usadas ferramentas que agilizem o processo, além de as pautas certas serem definidas e apresentadas, para que o assunto não seja perdido.

Cabe também a análise da necessidade de uma reunião. O questionamento que deve permear é simples: a reunião é a única maneira para alinhar essa questão? Por vezes um simples e-mail pode resolver, com a mesma eficiência, o que seria debatido em 40 minutos, por exemplo.

Leia também:  O que é uma empresa sustentável? A sua empresa é sustentável?

3. Use a tecnologia nos processos do cotidiano

A tecnologia está sempre se desenvolvendo, ajudando a aumentar a produtividade de momentos simples do dia a dia, e isso se estende também para o ambiente corporativo. Diversos softwares chegam ao mercado constantemente, e eles podem ser muito úteis se bem utilizados, melhorando o desempenho de equipes e oferecendo resultados precisos.

Hoje, é fundamental que as empresas disponibilizem os recursos tecnológicos mais avançados aos seus colaboradores, com ferramentas capazes de agilizarem os processos no dia a dia, permitirem melhor acesso a informações, além de integrarem a atuação dos departamentos.

Os softwares de gestão estão entre esses recursos, otimizando uma série de processos altamente necessários no cotidiano, de forma que os colaboradores aumentem a produtividade de forma simples.

Assim, é possível ter um melhor desempenho, em menor tempo e, principalmente, oferecendo resultados cada vez mais positivos, colaborando para o planejamento estratégico da empresa.

Essas ferramentas também podem ser muito úteis aos gestores, que conseguem acompanhar a performance dos colaboradores, avaliando a relevância da adoção de novos recursos.

4. Aposte no o home office

Há uma forte relação entre a produtividade de um colaborador e o ambiente em que ele trabalha. É difícil oferecer resultados satisfatórios sem que haja tranquilidade para se trabalhar.

Além disso, questões pessoais existem para qualquer um, e por vezes, elas podem gerar desconcentração, arruinando toda a capacidade de alguém ser produtivo no seu trabalho.

É justamente por essas questões que um gestor deve apostar na manutenção de uma cultura organizacional que preze pela flexibilidade. Oferecer essas facilidades aos colaboradores é de grande ajuda para que eles se sintam compreendidos e confortáveis, e um dos recursos que mais contribuem para isso é a possibilidade do home office.

Trabalhar de casa pode ser uma maneira de permitir que um funcionário consiga resolver um problema pessoal que certamente tiraria seu bem-estar e concentração, afetando diretamente sua produtividade. Ou mesmo tratando de uma questão de conforto, se ele trabalha em casa em 1 ou 2 dias na semana, pode ser que isso seja bom para seu desempenho.

Flexibilizar a política de home office na empresa pode ser uma maneira muito simples de aumentar a produtividade, algo que nem sempre os gestores pensam ou estão dispostos a fazer. O ideal é definir a frequência, sem que isso prejudique o planejamento da empresa.

Leia também:  7 dicas para você controlar melhor as contas da sua empresa

5. Valorize os colaboradores por meio de benefícios

A vida de um trabalhador é feita de esforços, seja para alcançar seus objetivos pessoais, seja para cumprir com metas para o desenvolvimento da empresa. A recompensa e a motivação principal para isso é o salário. Mas, será que não é possível ser ainda mais generoso?

Qualquer colaborador gosta de se sentir valorizado, com a ideia de que a empresa preza por sua continuidade, reconhece seu esforço e tem nele a segurança de alguém que está bem alinhado com a estratégia do negócio. Uma forma muito importante de transmitir isso é por meio de benefícios.

Os mais comuns, geralmente, são aqueles como o plano de saúde, auxílio para refeição e alimentação, entre outros. Pode ser interessante estender esses benefícios para auxílio-creche, descontos em universidades e outras possibilidades.

Uma boa maneira de estimular a atuação é a premiação por produtividade, oferecendo ao final do ano bônus e adicionais para quem cumpre com metas e objetivos. Assim, é possível manter o colaborador motivado ao longo do ano, já que ele sabe que o seu esforço vai valer a pena!

Aumentar a produtividade é imprescindível para um gestor que quer ver resultados e o desenvolvimento de sua equipe, sempre alinhada às propostas da empresa a longo prazo. Essas dicas serão fundamentais nesse objetivo!

Você já tem colocado alguma delas ou até mesmo outras em prática? Se sim, conte nos comentários como têm sido os resultados.

Click here to see our sample offer!

Envie ou compartilhe este artigo